Primavera

Alquimia do ar e da vida

Feng Shui Vera Sousa.jpg

Para quem não sabe, a tradução literal de Feng Shui é Vento e Água. Desses dois elementos, o vento é o mais sutil pois sequer conseguimos enxergá-lo. Apesar disso, podemos sentir sua presença no balançar das árvores, no prenúncio de uma tempestade ou no assobio que produz entre as frestas das janelas. Na natureza, o ar está em constante movimento e sempre se regenerando. É esse movimento que precisamos repetir em nossas casas para manter o bem-estar dos moradores. Quando falta o ar, a vida acaba. Simples assim.

Então, se você já “destralhou", limpou e criou espaço para mudar algo nessa estação, vamos aproveitar esse movimento e limpar o ar da casa?

A purificação do ar pode ser feita de várias formas, através do uso de:

  • defumação

  • aromaterapia

  • plantas

  • pedras

  • som

É vasta a literatura sobre esse assunto. Mas, escolhi compartilhar dois recursos que utilizo muito e recomendo aos meus clientes.

LIMPEZA ELETROMAGNÉTICA

Em quase todas as casas que visito, a presença de aparelhos eletrônicos, nos quartos de dormir, é constante. Esses aparelhos emanam energia eletromagnética que é invisível, mas atrapalha o sono e descanso dos moradores. Se não relaxamos profundamente, não conseguimos renovar nossa energia vital. A cabeça pesada, os olhos cansados e as dores no corpo denunciam que algo está errado. Nesses casos, se não for possível retirar os aparelhos, recomendo o uso da pedra turmalina preta bruta, ao lado deles (TV, computador, celular, roteador), na proporção da influência. Quanto mais aparelhos, maior a pedra. O Lírio da Paz é uma alternativa à pedra, por ser uma eficiente planta limpadora do ar.

Turmalina preta bruta, para limpar a energia eletromagnética produzida por aparelhos eletrônicos.

Turmalina preta bruta, para limpar a energia eletromagnética produzida por aparelhos eletrônicos.

LIMPEZA ENERGÉTICA

Quem nunca? É natural que a vida lance desafios e que fiquemos remoendo problemas, discutindo com o parceiro ou com os filhos. Essas tensões geradas pelas discussões ou maus pensamentos, também se cristalizam no ar. Acredite, a casa tem memória gravada em seus objetos, paredes, tapetes, em tudo. Quando o clima está pesado, recomendo a defumação, com auxílio de incensos naturais. E, mesmo que tudo esteja bem, uma defumação de tempos em tempos é recomendável. A chegada da Primavera é um ótimo pretexto para fazer uma limpeza energética e deixar fluir seus novos projetos. Anote o passo a passo:

  1. Escolha um incenso de que você goste. Para limpeza recomendo sálvia ou ananda. Esse último é composto de várias ervas e tem um cheiro mais forte.

  2. Conecte-se com o seu espaço. Antes de acender o incenso, feche os olhos e visualize sua casa e cada um dos ambientes. Procure lembrar do máximo de detalhes que puder. Visualize que você está entrando pela porta principal e dê a volta, mentalmente, por todos os cômodos, no sentido horário.

  3. Acenda o incenso, em frente à porta principal, e defume seu corpo, criando uma aura de limpeza com a fumaça.

  4. Com gestos suaves e circulares, movimente o braço que segura o incenso e caminhe pela casa, repetindo o mesmo caminho imaginário. Sempre no sentido horário. Eu costumo fazer o símbolo do infinito no ar, enquanto recito o mantra OM MA NI PADME HUM. Você pode falar palavras de amor, gratidão, rezar. Você escolhe.

  5. Se no tour imaginário você esqueceu de algum ambiente, aproveite para reconhecê-lo ao vivo e perceba porque você esqueceu dessa parte da casa. Talvez seja um espaço que precise de mais atenção ou de uma boa limpeza. Capriche na defumação dessa área.

  6. Quando retornar para o ponto de partida, agradeça pela felicidade de viver em um lugar abençoado pela harmonia e felicidade.

  7. Para finalizar, acenda outro incenso, dessa vez pode ser de lavanda ou sândalo e deixe queimar até o fim, no seu altar ou no local que preferir.

Feng Shui Vera Sousa.jpg

Rituais alquímicos como esse, há muitos séculos, são praticados em diversas culturas. Uma sabedoria ancestral que ajuda a religar o homem entre a terra e céu. “Quando nos conectamos com o divino, o sagrado, a vida passa a acontecer de maneira fluida e natural.” Eckhart Tolle.

Feng Shui Vera Sousa.jpg

E aqui encerro mais essa série. Espero que tenha sido útil e inspiradora para você. Que a sua Primavera venha florida de ideias e novos projetos.

Se quiser propor algum tema, envie por aqui ou me procure nas redes sociais. Os links estão no site.

Até a próxima!

Bj Bj

Para rever os capítulos anteriores, siga os links abaixo:

1. Bora “destralhar"

2. Lava, lava, lava

3. Dança das cadeiras

4. Alquimia do ar e da vida

Bora "destralhar"

IMG_3593.JPG

Sim, o jeito é “destralhar". De nada adianta começar um novo ciclo, se a energia parada do ciclo anterior insiste em te amarrar. Se foi bom, carregue o que ainda será útil. Se foi ruim, livre-se de tudo o que remeta a essa fase difícil. A vida é assim, feita de ciclos, altos e baixos.

Agora, que estamos entrando na Primavera, tire proveito da energia natural que corre pelo ar. A Primavera marca o retorno da energia Yang. Se o Inverno é propício para as atividades caseiras, sem muito gasto de energia, a Primavera nos impele a sair de casa. 

Diz no Tao Te Ching, de Lao Tse:  O movimento do Tao é o Retorno.

Diz no Tao Te Ching, de Lao Tse: O movimento do Tao é o Retorno.

A Terra começa a aquecer novamente. As manhãs ainda são frias, mas a diferença de temperatura, ao longo dos dias, começa a diminuir. 

Vem muita trovoada e chuva. Essa é a época de despertar as sementes que foram plantadas. E, é preciso cuidar para que elas, ainda fraquinhas e pequenas, tenham o sustento necessário para vingar. Então, nada de perder energia com o que não interessa.

A desordem ou o acúmulo são distrações para aquilo que precisa ser encarado de frente. Muitas vezes, servem de procrastinação para as resoluções que precisamos tomar. Tirá-los da frente nos obriga à ação. 

Agora, vamos ao gabarito da arrumação: só fica o que te faz feliz! Repito aqui a fórmula que aprendi com a sábia Marie Kondo e que, para mim, funcionou. Aproveite essa semana, dê uma repassada nos itens abaixo e veja se tem alguma coisa sobrando nas categorias:

  1. Roupas, sapatos, bolsas: rodou duas estações e você não usou? Faça circular. Existem vários sites para desapegos ou organize um bota-fora com os amigos.

  2. Livros e revistas: confesso que aumentei minha coleção de livros de Feng Shui, na última viagem…Mas sempre vale uma revisão. Algum título que você pode emprestar a algum amigo, já ajuda a fazer a energia circular. Esse exercício de revisitar a estante e avaliar o que fica, já é uma forma de ativar o que está parado.

  3. Papéis, contas e manuais: sabe aquela pilha de papéis e contas pagas, esperando para serem devidamente triadas, descartadas ou arquivadas? Jogue fora a preguiça e vamos enfrentar numa só empreitada. Assim, você passa logo essa etapa, chatinha mas necessária. (Muitas empresas de contas de consumo enviam um termo de quitação referente ao ano anterior. Portanto, basta guardar o termo por 5 anos e não o bolo todo de contas!)

  4. Objetos variados (komono): são aqueles objetos não identificados, amontoados pelos cantinhos e sem destino certo. Aproveite para descartar o que não tem utilidade e só está parado juntando poeira.

  5. Lembranças, fotos, bilhetinhos: essa parte emocional do descarte pede mais cuidado e despende mais energia. Às vezes, paralisa a gente. Por isso, está no final da fila dos descartes. Mas como tudo precisa de um lugarzinho certo para viver, tenho certeza que você vai encontrar o espaço ideal para guardar. Nem que seja apenas no seu coração (aliás, o melhor lugar para as boas lembranças).

Aproveite para planejar essa etapa, ao longo de toda a próxima semana. Assim, você faz um pouquinho por dia e, em 7 dias, dará a volta em toda a sua casa. Eu vou fazer. Me acompanhe no stories do Instagram (@verargsousa) e vamos fazer juntos. Coragem!

Nos vemos na próxima sexta.

Bj Bj

Fique de olho nos próximos capítulos, todas as sextas-feiras, de setembro:

1. Bora “destralhar"

2. Lava, lava, lava

3. Dança das cadeiras

4. Alquimia do ar e da vida

Primavera: revivendo a Roda da Vida

Feng Shui Vera Sousa.jpg

Tive um mês de junho mágico, esse ano: férias e muito aprendizado. Conheci novas pessoas, novos lugares e voltei com tantas ideias na cabeça, que foi difícil organizá-las. Em primeiro lugar, atendi aos meus clientes, entre bençãos e consultas. E assim, o blog foi ficando em segundo lugar, esquecidinho e sem tempo para alimentá-lo de novos conteúdos.

Mas a chegada da Primavera, tem o poder de fazer a Roda da Vida girar. Para começar o giro, daqui até o final do mês de setembro, vou compartilhar com vocês algumas dicas para receber a nova estação e aproveitar toda a energia de renovação, para quem vive, como eu, no Hemisfério Sul. 

Feng Shui e Organização andam de mãos dadas, pois só é possível sentir os efeitos ou aplicar técnicas de Feng Shui, em um ambiente que foi previamente limpo e organizado.

Na sequencia que preparei para compartilhar com vocês, vamos começar com uma agenda de limpeza física, reorganizacao e ao final, ensinarei uma técnica para limpar energeticamente sua casa.

Sempre às sextas-feiras, uma nova postagem para que você tenha tempo de implementar, durante o final de semana. Vamos arregaçar as mangas e abrir espaço para o novo entrar, sefazfavoire!!

Até sexta!!

Bj Bj

Fique de olho nos próximos capítulos, todas as sextas-feiras, de setembro:

1. Bora “destralhar"

2. Lava, lava, lava

3. Dança das cadeiras

4. Alquimia do ar e da vida