cinco elementos

Outono do desapego

fengshuiverasousa.jpeg

Entramos no Outono 🍂 

Estação que nos ensina o que de fato é desapego. Nesse período, em que a Terra começa a esfriar, a natureza inicia o ciclo da retração, contrário à expansão da Primavera e Verão. 

É tempo de fazer um balanço e desapegar de tudo o que não serve mais ou que consumirá a sua energia desnecessariamente. Aproveite para observar e aprender com a natureza, em especial com as árvores. Elas vão soltando as folhas e concentrando sua energia vital nas raízes, que garantirão a passagem pelo período de escassez. Ótimo momento para desapegar e organizar sua casa e mente. Aprofundar conhecimentos, iniciar um curso de arte, mosaico, meditação ou quem sabe Feng Shui! Tudo aquilo que promove a introspecção e autoconhecimento. Isso é fluir com a naturalidade.

Bj Bj

#fengshuiverasousa #fengshui #organizer #personalorganizer #mariekondo

Temperamento: sua casa também tem e pode mudar

Feng Shui Vera Sousa - Arte Interior - aplicando elementos do Feng Shui na prática

Um dos princípios básicos do Feng Shui é a busca pelo equilíbrio de cinco elementos ou energias nomeadas: Madeira, Fogo, Terra, Metal e Água. Essas cinco forças da natureza podem ser reproduzidas em ambientes e são responsáveis por determinar o temperamento do projeto arquitetônico.  

  • Quer criatividade, movimento, então o elemento Madeira deve ser sua escolha.

  • Se quiser reconhecimento, sucesso, exuberância, traga a energia do Fogo.

  • Um ambiente mais estável, acolhedor pede Terra.

  • Simplicidade, espaço, foco, Metal é a energia necessária.

  • Recolhimento, introspecção, a Água trará essa qualidade.

Porém, como numa receita culinária, o tempero é o segredo. E para ser saudável, o equilíbrio é fundamental. Então, anote as dicas abaixo e vamos temperar a vida, usando os 5 elementos em diferentes proporções!

Para isso, existe uma ordem natural de entrada de cada ingrediente. Como a vida, que acontece em ciclos, também essas energias se alternam. No Feng Shui chamamos esse movimento de Ciclo de Criação ou Geração
Madeira é combustível para o Fogo, que produz Terra (ou cinzas), que contém Metal (metais diversos são encontrados na terra), que conduz a Água (as nascentes são rochosas), que nutre a Madeira (as plantas).

Vou usar meu exemplo para ajudar o entendimento da teoria: lembra que o ponto de partida é o propósito?  Se não lembra, releia o capítulo Pedra fundamental: o propósito da mudança. Pois bem, lá defini que o Metal seria o elemento prioritário. Assim sendo, a proporção do meu projeto foi:

50% Metal | 25% Água | 12,5% Madeira | 6,25% Fogo | 6,25% Terra

Feng Shui Vera Sousa - Arte Interior - aplicando elementos do Feng Shui na prática

Por que esses percentuais? Essa é a proporção áurea, aquela que a Natureza sabiamente repete em tudo o que cria. (Quer saber mais sobre isso, siga o link.)

Por hora, memorize apenas essas proporções e não tem erro. O projeto ficará harmonioso. Repare que parto do Metal e os outros elementos são adicionados conforme a ordem do Ciclo de Criação. Os dois últimos elementos são as pitadas finais que garantem o equilíbrio. Sem eles, tudo pode ficar monótono. Você pode reservar para essas pitadas, as almofadas, um pufe, quadros, vasos, arranjos florais, os detalhes menores da decoração. As maiores proporções ficam para paredes, sofás, tapetes. Confira nas fotos abaixo:

Paredes em tom pastel, cortinas cinza e luminárias em metal branco, fazem a proporção do Metal. O azul do sofá, mais a mesa de vidro, com objetos em preto, trazem a Água. A Madeira está presente nas cadeiras e no arranjo cheio de plantinhas verdes. Fogo e Terra estão nas cores vermelho e laranja das fotografias e na forma quadriculada como foram dispostos os quadros.

Paredes em tom pastel, cortinas cinza e luminárias em metal branco, fazem a proporção do Metal. O azul do sofá, mais a mesa de vidro, com objetos em preto, trazem a Água. A Madeira está presente nas cadeiras e no arranjo cheio de plantinhas verdes. Fogo e Terra estão nas cores vermelho e laranja das fotografias e na forma quadriculada como foram dispostos os quadros.

O Metal domina o ambiente pela cor branca, mas é equilibrado pela Água representada no espelho do aparador, nos vidros e na fotografia do Rio Douro, na parede.  A Madeira da mesa e cadeiras completam a proporção desse elemento.A mesa ganhou um pé de metal branco para reduzir a quantidade de Madeira. Toques de Fogo e Terra estão na cafeteira laranja e no jogo americano para o dia-a-dia, em vermelho.

O Metal domina o ambiente pela cor branca, mas é equilibrado pela Água representada no espelho do aparador, nos vidros e na fotografia do Rio Douro, na parede.
A Madeira da mesa e cadeiras completam a proporção desse elemento.A mesa ganhou um pé de metal branco para reduzir a quantidade de Madeira. Toques de Fogo e Terra estão na cafeteira laranja e no jogo americano para o dia-a-dia, em vermelho.

A sala de TV segue a mesma composição de elementos e o pufe laranja  ajuda a trazer as pitadas de Terra para o ambiente.

A sala de TV segue a mesma composição de elementos e o pufe laranja
ajuda a trazer as pitadas de Terra para o ambiente.

Para ficar ainda mais claro, vou mostrar como era antes a sala.  As proporções seguiam uma combinação de elementos completamente diferente:

50% Madeira | 25% Fogo | 12,5% Terra | 6,25% Metal | 6,25% Água

Repare como você pode mudar o temperamento de um ambiente trocando cores, texturas, tecidos, materiais e objetos de decoração. 

Madeira e Fogo dominavam o ambiente, na mesa de jantar e nas listras do sofá.

Madeira e Fogo dominavam o ambiente, na mesa de jantar e nas listras do sofá.

Fogo explícito em uma das paredes da sala de jantar, conferia a maior proporção desse elemento ao ambiente. A Madeira da grande mesa, que ocupava quase todo o espaço, deixava pouco para circulação. O Metal estava presente na cristaleira e nas canaletas repletas de quadros. Água, presente no espelho dentro da cristaleira, fechava a composição.

Fogo explícito em uma das paredes da sala de jantar, conferia a maior proporção desse elemento ao ambiente. A Madeira da grande mesa, que ocupava quase todo o espaço, deixava pouco para circulação. O Metal estava presente na cristaleira e nas canaletas repletas de quadros. Água, presente no espelho dentro da cristaleira, fechava a composição.

O excesso de objetos e plantas também aumentava a proporção da Madeira.  As paredes em amarelo traziam a Terra e a Água estava presente nos espelhos e vidro da mesa de centro.

O excesso de objetos e plantas também aumentava a proporção da Madeira.
As paredes em amarelo traziam a Terra e a Água estava presente nos espelhos e vidro da mesa de centro.

Abaixo incluo uma lista de materiais, cores de acordo com cada elemento. Você pode dar uma espiada para se inspirar e usar a criatividade.

  • Madeira: verde, azul claro, folhagens, listras verticais, forma retangular

  • Fogo: vermelho, couro, lã, seda, forma triangular

  • Terra: amarelo, laranja, ocre, marrom, floral, cerâmica, forma quadrada, quadriculada

  • Metal: branco, cinza, tons pastel, metais em geral (aço, ferro, prata), pedras, forma circular

  • Água: azul escuro, preto, vidro, espelhos, aquários, fontes, forma fluida


Se você quiser mais vibração para os ambientes vai ter que lançar mão de outra combinação de elementos. Chamamos de Ciclo de Controle. Mas desse vou falar em outro momento.
 

Ciclo de Criação, um elemento gera o outro em uma sequência natural e harmoniosa

Ciclo de Criação, um elemento gera o outro em uma sequência natural e harmoniosa

Sempre que colocar em prática essa receita, lembre que está emprestando da Natureza suas qualidades:

  • da Primavera, onde a Madeira domina por representar crescimento, expansão

  • do Verão, quando domina o Fogo, a radiação, o calor do sol

  • do Outono, quando domina o Metal, o resfriamento, a contração da força natural

  • do Inverno, onde a escuridão e o recolhimento são representados pela Água

  • do planeta Terra, que concentra todos os movimentos acima


Esta série não tem a pretensão de esgotar, em um texto, todas as técnicas de Feng Shui. Porém, a proposta é oferecer ferramentas práticas que você pode utilizar sozinho. Experimentei e posso afirmar que, com esse mínimo de informação, seu projeto ganhará muito ao trazer consciência para o que está sendo desenhado. Se tiver interesse em aprofundar o conhecimento e o uso de mais técnicas, é só procurar um consultor de Feng Shui da sua confiança. 

13.JPG

Essas regras podem ser aplicadas para a casa toda, por ambiente ou por utilidade do cômodo. 
Espero que essas informações sejam úteis para seu próximo projeto, como foi para o meu. Mas antes de ir embora deixo mais três regrinhas de ouro:

  1. você precisa ter um ponto de partida, o propósito, lembra? Esse é pessoal e intransferível! A partir dele, você determinará o elemento predominante do projeto.

  2. trabalhe com contrates para evitar a monotonia. Yin Yang são energias opostas que, combinadas, promovem o equilíbrio.

  3. não se deixe levar por modismos. Escolha o que te faz feliz, tenha significado e represente a sua personalidade.

Até a próxima!
Bj Bj

Para uma consulta personalizada, entre em contato.

Leia os outros capítulos:

Mude sua casa e mude sua vida! 

Pedra Fundamental: o propósito da mudança.

Temperamento: sua casa tem e pode mudar.

Mudar ou reformar? Como o Feng Shui pode ajudar nesse desempate.

Diga-me com quem andas e a reforma terá a sua cara.

Desapega ato 1: como descartar o que é mais fácil.

Desapega ato 2: como descartar o que é mais difícil.

Mudanças estruturais externas: planta, acessos e proporções.

Mudanças substanciais internas: sentimentos, bloqueios e resoluções.

Metal: Determinação explica paisagens inimagináveis criadas pela mão humana e a sabedoria da natureza.

Piódão, aldeia histórica, Portugal

Piódão, aldeia histórica, Portugal

Uma beleza árida intriga quem avista, ao longe, a aldeia de Piódão, na Serra de Açor, em Portugal. 

O aglomerado de casas acompanha o relevo íngreme dos penhascos, que protege as casas dos ventos.

Ruas da aldeia de Piódão

Ruas da aldeia de Piódão

Vera Sousa Feng Shui - Arte Interior - Piodao, Portugal

Sem cor, sem aconchego, com pedras afiadas, o impacto inicial é de tristeza e frieza.

Telhado de ardósia ou pedra de lousa

Telhado de ardósia ou pedra de lousa

Entretanto, apesar  da arquitetura da aldeia ser fria como Metal, isso não se repete no temperamento das pessoas que lá vivem. Caminhando pelas vielas estreitas, a percepção se transforma à medida que detalhes surpreendem o olhar.

Acabamentos em azul quebram a monotonia do xisto

Acabamentos em azul quebram a monotonia do xisto

Intuitivamente, ou melhor, sabiamente a população escolheu a cor azul claro (representação do elemento Madeira) para os acabamentos, portas e janelas, da aldeia. Um padrão cromático que traz equilíbrio e beleza ao olhar, em razão do ciclo de controle que se estabelece entre os elementos Metal e Madeira. 

A porta azul e as flores representam o elemento Madeira. As pedras, o Metal.

Metal corta Madeira e esse ciclo de controle promove equilibrio para o olhar.

Além da cor azul, flores bem cuidadas nas fachadas das casas trazem a vitalidade e a energia do elemento Madeira, que ajuda a desgastar a frieza do Metal. Mas o que melhor equilibra esse aspecto do Metal é a doçura da Terra.

Um exemplo disso é a Casa da Padaria. Transformada em pousada, essa antiga padaria é administrada pela família que herdou a propriedade. Dona Gorete bordou pessoalmente cada lençol, cada cortina desse lugar delicioso.

Vera Sousa Feng Shui - Arte Interior - Piodao, Aldeia Historica, Portugal - Casa da Padaria
Vera Sousa Feng Shui - Arte Interior - Piodao, Aldeia Historica, Portugal - Casa da Padaria

Além dos bordados, ela mesma faz o bolinho do café da manhã e as geléias. Tudo arranjado com muito carinho e hospitalidade.

Pequeno almoço, ou café da manhã na Casa da Padaria

Pequeno almoço, ou café da manhã na Casa da Padaria

A frieza do Metal se relaciona à friagem do Outono - período de recolhimento da natureza e de introspecção. Fase importante e necessária para a renovação da vida, portanto, não deve ser vista como negativa.  

Cruzes protegem as casas das trovoadas

Cruzes protegem as casas das trovoadas

O Metal também remete à energia do Céu, do pai, da justiça. Curiosamente, em todas as casas, a presença de pequenas cruzes nos batentes faz referência ao Divino. Essas cruzes são produzidas anualmente pelos moradores, no Domingo de Ramos. Para confeccioná-las, usam folhas de louro e alecrim, e o objetivo é proteger as casas, as pessoas e os animais das trovoadas e do mau agouro.

As pessoas do tipo metal são fortes e um pouco rígidas com seus objetivos e relações. Exigem o máximo de si e daqueles que trabalham a sua volta. Determinados e focados, perseguem seus objetivos com muita intensidade e pouca hesitação. Seu maior desafio é ceder, delegar, flexibilizar. Apreciam o conforto e, por vezes, o luxo. 

Formas circulares fazem vibrar a energia do Metal

Formas circulares fazem vibrar a energia do Metal

Ter a qualidade do Metal por perto é importante quando é necessário ter foco. Para fazer vibrar essa energia, utilize as cores branco, cinza, prata, tons pastéis.  A forma circular e elementos de metal.  Esse elemento também está relacionado ao pulmão, por isso atividades ligadas ao ar, são formas de se conectar com essa energia (asa delta, paraquedismo).

Pedra e Flor. Metal e Madeira. Uma combinação equilibrada.

Pedra e Flor. Metal e Madeira. Uma combinação equilibrada.

Na próxima semana, vou falar do elemento Água. E, nesse último capítulo, também apresentarei como a combinação entre cada elemento pode equilibrar a casa e a vida.

Ate lá!

Para uma consulta personalizada, entre em contato.


Terra: doce, amorosa, receptiva, essa é a personalidade desse povo que não tem medo do trabalho.

Ilha da Madeira e a força da terra

Ilha da Madeira e a força da terra

Ninguém vive sem um tipo Terra por perto. Extremamente organizados e muito trabalhadores, são práticos e confiáveis. Disciplinados, capazes de cumprir suas responsabilidades como ninguém, são conservadores e preferem seguir objetivos sólidos.

A teimosia pode se manifestar, se a energia Terra estiver em excesso.

Nas minhas andanças pela Ilha da Madeira, em Portugal, topei com uma agricultora colhendo batatas, em um pedacinho de terra. Cada saco pesava 30kg, e ela os carregava apenas com o apoio da cabeça! Uma força da natureza, pura Terra, com mãos grossas que ela exibia segura de sua missão.

Agricultora da Ilha da Madeira

Agricultora da Ilha da Madeira

A virtude da Terra é a sinceridade. A emoção é a preocupação. Não à toa, é o elemento que representa a Mãe, o feminino. 

As flores são representantes dessa energia, em especial nas cores amarela,

cor-de-rosa, como essas tulipas.

...ou jardins geométricos, formais e simétricos, como no Palácio do Buçaco, Luso.

Sabe aquela hora, logo após o almoço, em um dia quente, de Alto Verão? Então, essa molezinha que nos leva a uma inércia, quase irresistível, é a Terra. Por isso, em excesso não é boa. Como sempre, equilíbrio é a dose certa.

Terra é colo de mãe, aconchego, carinho. Almofadas e texturas suaves trazem essa sensação gostosa, que convida ao descanso. Por essa razão, nos sentimos tão bem na casa das avós: confort food, confort cama, confort colo. 

Detalhe da roupa de cama, na Casa da Padaria,cuidado nos detalhes, em Piódão.

Detalhe da roupa de cama, na Casa da Padaria,cuidado nos detalhes, em Piódão.

Detalhes femininos, na Casa da Padaria, em Piódão.

Detalhes femininos, na Casa da Padaria, em Piódão.

Lisboa...sempre achei que essa cidade tinha uma energia feminina. Observando sua arquitetura, paisagem, clima, concluí que, além de levar um nome feminino, ela carrega muitos símbolos da Terra.

Palácio das Necessidades, Lisboa

Palácio das Necessidades, Lisboa

Nas fachadas de muitas construções vê-se a cor rosa ou amarela. O céu de Lisboa tinge-se de rosa ao final da tarde! Aliás, o céu de Lisboa é algo sobrenatural. Não canso de admirá-lo em todas as suas nuances.

Céu de Lisboa...

Céu de Lisboa...

...com a Ponte 25 de Abril ao fundo.

...com a Ponte 25 de Abril ao fundo.

A cor amarela, ocre, marrom, e a forma quadrada ou quadriculada são maneiras de representar esse elemento na decoração. Além do material argila, barro e cerâmica.

Essa sala de estar tem o peso da Terra em excesso.

Tijolos na parede do antigo forno da Casa da Padaria, tons terrosos, e estampa quadriculada

Terra

Terra

Esse elemento carrega outra qualidade: a receptividade para os relacionamentos amorosos.

Se quiser ativar em sua casa, procure usar objetos aos pares e proporcionais, que simbolizam uma relação equilibrada.

Ou a própria palavra. Quem fica imune ao amor?

Alimentos também podem fazer vibrar a energia da Terra. E, depois de toda essa explicação desse elemento, fica fácil adivinhar qual o sabor da Terra:

DOCE!

E, Portugal tem uma infinidade de opções dentre tantos doces conventuais. Dos pastéis de nata, aos travesseiros de Sintra, Ovos Moles de Aveiro. Uma fartura que pede cuidado com a balança.

Os deliciosos e inesquecíveis Pastéis de Belém, em Lisboa

Os deliciosos e inesquecíveis Pastéis de Belém, em Lisboa

Adoce seu lar com essa energia.

Adoce seu lar com essa energia.

Na próxima semana, vamos falar do Metal. Enquanto isso, releia os outros capítulos e perceba como a receita do equilíbrio está na dose que você usa de cada um, na casa e na vida.

Ate lá!

Para uma consulta personalizada, entre em contato.


Fogo: amantes da aventura e da inovação vão se identificar com as lições de quem aprendeu a vencer desafios com muita criatividade.

Casas triangulares, típicas da vila de Santana, na Ilha da Madeira

Casas triangulares, típicas da vila de Santana, na Ilha da Madeira

Duas vigas de madeira, dispostas na forma triangular, telhado de sapê, portas e janelas pintadas de vermelho. Quer melhor representante do elemento fogo que essa pequena casinha da vila de Santana? Então, aqui vai mais um.

Veja abaixo como a inovação vence o desafio de criar áreas de plantio em terrenos absolutamente irregulares. O Douro é o maior patrimônio desse tipo de paisagem (chamam-nos de calços). Mas também encontram-se esses terraços moldados à mão, na Ilha da Madeira, repletos de bananeiras, e nessa pequena aldeia histórica, no continente, chamada Piódão. 

Dois exemplos do que a engenhosidade dos portugueses é capaz de fazer.  

Terraços na aldeia de Piódão

Terraços na aldeia de Piódão

Agricultor poda e arranja suas videiras, Piódão

Agricultor poda e arranja suas videiras, Piódão

A essa altura você já entendeu o que esse elemento representa. Ou que tipo de energia ele carrega. 

Pessoas de fogo são dinâmicos realizadores. Conquistar é a palavra que os define. Exibem qualidades de liderança acima da média, são decididos e seguros. Amantes da aventura e da inovação, sempre abertos a novas ideias. 

Com seu forte calor e brilho podem trazer grandes benefícios ao mundo. Mas como tudo em excesso, podem se tornar ambiciosos, impulsivos e egoístas. Segredinho de sempre: equilíbrio. 

Quer trazer essa energia para seu ambiente? Lembre de usar a cor vermelha, formas triangulares semelhantes à forma da chama. 

Escadaria na Quinta da Regaleira, Sintra

Escadaria na Quinta da Regaleira, Sintra

Fogo representa o Verão, ou seja, o momento de mais luz e calor. Por isso, na decoração, uma iluminação dramática, cenográfica trará essa referência ao sol. Imagens do fogo, da luz do sol, velas, incenso, lareira, também são ótimos representantes.

Incidência de luz natural traz a força do elemento fogo...

Incidência de luz natural traz a força do elemento fogo...

...reproduza essa energia com a luz artificial

...reproduza essa energia com a luz artificial

Na alimentação, você pode trazer o fogo através de alimentos de sabor amargo (picante) como manjericão, gengibre e pimenta.

Pimentas do Mercado dos Lavradores, Funchal

Pimentas do Mercado dos Lavradores, Funchal

Couro, lã, peles, penas, seda são materiais que representam o fogo. Assim como livros, bibliotecas, lugares de distribuição do conhecimento. A foto abaixo reune essas qualidades e, não por acaso, trata-se da livraria mais antiga de Portugal.

Livraria Bertrand, Chiado, Lisboa

Livraria Bertrand, Chiado, Lisboa

São tantas as possibilidades para fazer vibrar esse elemento na sua casa, que não poderia deixar de falar das flores. Vermelhas, com folhagens pontiagudas, são a representação mais fiel da paixão. 

Camélia, Piódão

Camélia, Piódão

Flor exótica, Ilha da Madeira

Flor exótica, Ilha da Madeira

Termino esse capítulo, com ninguém menos que Luís de Camões e seu célebre poema paradoxal:

Amor é fogo que arde sem se ver

É ferida que dói e não se sente

É um contentamento descontente

É dor que desatina sem doer

Até mais. Na próxima semana, vamos falar do elemento Terra!

Se você se identificou com o fogo, conte aqui.

Bj bj

Para uma consulta personalizada, entre em contato.