#fengshui

Depende...

fengshuiverasousa.jpg

Depende. Essa é a resposta do sábio.

Pensei em escrever sobre isso, hoje, depois de ver mais uma matéria, na televisão, ditando regras de Feng Shui. Sim, a mídia tem e teve um papel importantíssimo na divulgação dessa arte, no Ocidente. Na maioria das vezes, de forma superficial e banal, como é possível fazer em poucos minutos de matéria, com pontos de audiência em jogo. Meu objetivo aqui não é julgar, mas alertar sobre o tipo de informação divulgada pois, quanto maior a audiência, maior a responsabilidade.

Entendo a pressão e a sedução da visibilidade, mas se pudesse fazer uma ponderação, diria: antes de espalhar regras dogmáticas, usem a resposta do sábio. Só assim, estaremos valorizando nosso trabalho como consultores e ajudando a perpetuar uma cultura tão valiosa e cheia de sutilezas.

É comum receber o pedido de algum jornalista querendo uma lista com 10 dicas infalíveis de Feng Shui. Ou ver um amigo, com os olhos arregalados, perguntando se “espelho no quarto dá azar”. Outro, indagando se é bom colocar um Ba guá em cima da porta ou um cristal na janela. E tem aquele que tem medo de me convidar para conhecer a casa, achando que precisa organizar tudo antes. (Mal sabe ele que minha casa também tem a baguncinha saudável, do dia-a-dia.) Isso tudo acontece graças à desinformação.

Fazendo um paralelo, as dicas de Feng Shui que você ouve por aí, têm a mesma validade que o horóscopo que você lê no jornal. São genéricas e portanto, não podem ser levadas a ferro e fogo. Meus amigos astrólogos vão me apoiar nessa. Um mapa astrológico é pessoal e intransferível. Assim como uma consulta de Feng Shui. Depende 100% do morador.

Por isso, repito: não existe mágica no Feng Shui. Existe um caminho de auto-conhecimento, que ajudará a refletir na casa aquilo que você é, ou precisa saber que é.

Ah, e às perguntas dos amigos, respondo sempre: depende…

Bj Bj

ÚLTIMA CHAMADA - Cursos de Maio

Feng Shui Vera Sousa.jpg

Uma das coisas que mais gosto de fazer é ensinar 😍 Acredito tanto na casa como um reservatório de energia para nosso dia-a-dia, que não canso de estudar e aplicar técnicas para fortalecê-la. Quanto mais domino o tema, mais gosto de dividir. É como ensinar uma receita de família, sabe?! Sinto os benefícios desse conhecimento e quero compartilhar. Simples assim.
Por isso, criei essa série de cursos intensivos, dividida em 3 módulos. E para encerrar a temporada, teremos em maio, mais duas turmas:

ÚLTIMA TURMA do Módulo I de Fundamentos do Feng Shui:
Esse programa foi elaborado para quem já é Consultor e quer aprofundar o conhecimento. Para quem trabalha como Personal Organizer e quer ampliar sua área de atuação. Para quem é Designer de Interiores e busca um diferencial. E obviamente, para quem tem curiosidade pelo assunto. Mesmo sendo abrangente, ao final todos levarão um set de ferramentas aplicáveis no seu dia-a-dia.

Carga horária: 18 horas, divididas em 2 dias, com Certificado e material preparado especialmente para o curso.

Datas: 4 e 5/5, das 9 às 18h00
Para saber mais sobre o programa e se inscrever é só clicar aqui.

ÚNICA TURMA do Módulo III - Feng Shui Ba Zhai, clássico:

Ainda em maio, farei um único curso dedicado ao método clássico ou Ba Zhai. Esse método, também conhecido como o sistema das Oito Residências ou Palácios, avalia a energia presente em oito posições da edificação e que podem ser trabalhadas a favor dos moradores. Com teoria e prática, aprofundaremos os conhecimentos analisando casos para determinar os elementos que podem ser utilizados fisicamente para alimentar ou drenar a energia presente na posição das 8 Estrelas, além de atitudes que podem melhorar a dinâmica familiar.

Carga horária: 32 horas, divididas em 3 dias, com Certificado

Pré-requisito: Módulo I - Fundamentos do Feng Shui, então corre e se inscreve nos dois! Se você já tem uma base de Feng Shui e quer acrescentar mais esse método ao seu repertório, mande uma mensagem junto com a inscrição.

Data: 24 a 26/5, das 9h30 às 17h30

Para saber mais e se inscrever é só clicar aqui 

Te vejo lá!

Bj Bj

#10yearschallenge

Lake Louise, Canadá, 2009

Lake Louise, Canadá, 2009

Esse tal de #10yearschallenge me fez voltar no tempo e relembrar um ano de muita transformação. Em 2009, dei uma pausa na publicidade e mergulhei de cabeça nos estudos de Feng Shui, durante um merecido ano sabático. Pra isso, fui conhecer, pessoalmente, mestres que eu só acompanhava nos livros, e que me foram recomendados pela querida mestra @silvanaocchialini. Em ordem cronológica da viagem:

Nesse Seminário em Calgary, no Canadá, conheci o Prof. Lin Yun. Aulas em chinês, com tradução simultânea para inglês. O gesto que ele faz com as mãos, na foto, chama-se “ Blessing Mudra ”. Lembra uma flor de lótus. Ele ficou muito feliz em ter uma brasileira na turma!

Nesse Seminário em Calgary, no Canadá, conheci o Prof. Lin Yun. Aulas em chinês, com tradução simultânea para inglês. O gesto que ele faz com as mãos, na foto, chama-se “Blessing Mudra”. Lembra uma flor de lótus. Ele ficou muito feliz em ter uma brasileira na turma!

1. H.H. Prof Lin Yun, em Calgary, no Canadá. Monge Budista Tibetano, falecido em 2010, fundou a Escola America ou Chapéu Negro, e foi responsável pela introdução desse conhecimento milenar no Ocidente.

Um final de semana, em Monterey, na Califórnia. Minha primeira vez na costa Oeste e uma lembrança doce dessa mulher forte e iluminada. Saudades da Denise Linn.

Um final de semana, em Monterey, na Califórnia. Minha primeira vez na costa Oeste e uma lembrança doce dessa mulher forte e iluminada. Saudades da Denise Linn.

2. Denise Linn, em Monterey, na Califórnia. Descendente de índios americanos da tribo Cherokee, é uma xamã fantástica que sempre me inspira com o Feng Shui para a alma e limpeza de espaços. 

Eu já estava no final da jornada, longe de casa há quase 20 dias…Saudades do marido, da família e da minha cachorrinha Guida. Acho que o dash Oreon, da querida Nanci SantoPietro, percebeu e veio me fazer um carinho!

Eu já estava no final da jornada, longe de casa há quase 20 dias…Saudades do marido, da família e da minha cachorrinha Guida. Acho que o dash Oreon, da querida Nanci SantoPietro, percebeu e veio me fazer um carinho!

3. Nanci SantoPietro, em Nova York. Psicóloga que tem um trabalho riquíssimo diagnosticando distúrbios emocionais através das patologias das casas.

E tudo isso numa só tacada. Foram 20 dias viajando, sozinha. Estudando, conhecendo novos lugares, novas pessoas e ouvindo dilemas iguais em línguas diferentes. Foi uma “baita” experiência.

Às vezes, temos que nos lançar no vazio, acreditando que um ciclo se fechou. Pra isso, a qualidade das sementes que plantamos será vital para o novo ciclo. Sigo regando essas sementes com mais conhecimento, prática e amor pelo ofício de tornar a casa um lugar que favoreça a vida.

❤️

Foi uma viagem de muitos contrastes. Uma imagem  Yin : das geleiras, no Parque Nacional de Jasper, nas Montanhas Rochosas, Canadá.

Foi uma viagem de muitos contrastes. Uma imagem Yin: das geleiras, no Parque Nacional de Jasper, nas Montanhas Rochosas, Canadá.

E outra imagem  Yang : no calorzinho da Califórnia, direto do Aquário de Monterey.

E outra imagem Yang: no calorzinho da Califórnia, direto do Aquário de Monterey.